quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Operadoras premiam práticas de sustentabilidade



      O objetivo é estimular ações inovadoras que reduzam os impactos ambientais e estimulem o consumo consciente em destinos turísticos

É cada vez mais frequente observar que destinos e empresas têm estimulado o viajante a adotar boas práticas durante seu passeio – como a preocupação com o uso de água e energia elétrica em hotéis e pousadas, a substituição do carro pela bicicleta e experiências turísticas que tem como foco a cultura de comunidades rurais. 

Essas medidas estão sido reconhecidas por meio do 3º Prêmio Braztoa de Sustentabilidade – atitudes que transformam o turista. 

A iniciativa, da Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa), conta com o apoio institucional do Ministério do Turismo (MTur). 

De acordo o ministro do Turismo, Vinicius Lages, a premiação reconhece o segmento e estimula outras empresas a se inspirem nos bons exemplos. 

“Adotar boas práticas no turismo atribui uma imagem positiva ao estabelecimento, além de reduzir custos, aumentar a competitividade e obter destaque no setor”, disse.  

Em sua terceira edição, o prêmio Braztoa de Sustentabilidade está aberto às operadoras de turismo e agências de viagem, meios de hospedagem, instituições governamentais e demais organizações ligadas ao setor de turismo. O prazo para inscrições é até 30 de outubro. 

Cinco categorias concorrem ao prêmio: associadas Braztoa (exclusivo às empresas afiliadas à entidade), agências de viagem, meios de hospedagem, parceiros institucionais e a categoria TOP Sustentabilidade, que representa o maior destaque de reconhecimento aos participantes. 

Entre os critérios de avaliação, destacam-se: o incentivo ao turismo sustentável, impactos ambientais, socioculturais e econômicos e inovação. 


As iniciativas serão analisadas por uma comissão julgadora da Braztoa durante o período de 01 a 20 de novembro.  A cerimônia de reconhecimento aos vencedores será no dia 28 de novembro, em Maceió/AL


Fonte: . MTur / Deborah de Salles 

Nenhum comentário:

Postar um comentário