segunda-feira, 24 de novembro de 2014

8 dicas de passeios para desfrutar em Corumbau, na Bahia



Paz e conforto é tudo o que as pessoas procuram nas férias. No verão, além da tranquilidade, uma bela praia é a melhor pedida para renovar as energias e aproveitar o período de descanso. Porém, encontrar uma hospedagem junto a um destino que forneça todas essas características não é simples. 

Por isso, o hotel Vila Naiá, localizado na pequena vila de pescadores de Corumbau, ao sul do estado da Bahia é praticamente um oasis natural.

Assim como a pequena praia, o hotel é bastante exclusivo e possui apenas 8 habitações. Isso faz com que o Vila Naiá forneça uma hospedagem bastante diferenciada, focada no conceito de novo luxo, em que se valoriza tudo aquilo que é escasso e precioso, como o tempo, o silêncio, a contemplação da natureza, a desconexão com o agito das grandes cidades e a conexão espiritual.

Segundo a gerente de vendas, Ana Choueri, durante o verão o hotel oferece condições especiais para as reservas acima de 5 noites ou famílias que necessitam de mais de uma acomodação, com diárias a partir de R$ 1.600. 

Além disso, para quem quer explorar a região, o hotel auxilia nos roteiros e passeios: “O Vila Naiá mantém uma relação muito próxima com os prestadores de serviços locais”, conta Ana. “Assim fazemos o contato e auxiliamos nas escolhas dos melhores passeios, conforme o gosto de nossos hóspedes.”
Confira abaixo 8 dicas de passeios para aproveitar o verão em Corumbau:


Caraíva:

O caminho de Corumbau até Caraíva fornece uma ampla vista das praias do sul da Bahia e a oportunidade instigante de conhecer uma aldeia indígena, com demonstrações de sua cultura. 

A saída do hotel é feita de barco, navegando até a praia do Espelho, onde se segue de bicicleta em um percurso que atravessará várias praias encantadoras, até chegar a Caraíva. 

Depois de um rápido passeio a pé pela vila, sobe-se o rio do mesmo nome em lanchas de alumínio, parando para um piquenique e em seguida desembarcando em uma trilha que leva à aldeia indígena Porto do Boi, com recepção pelos índios. A volta do passeio pode ser feita novamente de bicicleta ou de buggy, em um percurso de 18 km por dentro da reserva indígena até o Vila Naiá. 


Monte Pascoal:

Terra à Vista! O local do descobrimento do Brasil é uma ótima opção de passeio histórico, em um trajeto de carro que atravessa fazendas, matas nativas e o vilarejo de Palmares. 

Chegando no Monte Pacoal vale a pena pegar um guia curumim e fazer a caminhada para ver os enormes Jequitibás e conhecer o centro de informação ao turista, com as estórias do local.


Cumuruxatiba:

Novamente um belo mergulho na história do Brasil, onde se passa pelo rio Cahy, local que ocorreu o primeiro contato dos portugueses com os índios brasileiros. 

Saída do Vila Naiá de bicicleta, em direção ao rio, com travessia em canoas nativas. Pedalada até Cumuruxatiba e, depois de um passeio pela vila, embarque em um barco mar adentro, de volta a Corumbau.


Barra do Cahy:

Charmoso vilarejo a 12 km de distância de Corumbau. Chega-se apenas de canoa e buggy, em um trajeto de aproximadamente 1 hora e 20 minutos. Vale a pena passar o dia, almoçar em um restaurante à beira da Barra do Rio, visitar as lojas e observar o pôr do sol na praia.


Recife Mato Grosso:

Agradável passeio de barco pelo mar até o recife onde é possível mergulhar em águas claras e ver peixes, corais e piscinas naturais. Saída de Corumbau de lancha com aproximadamente 20 minutos de trajeto, ou em barco com 1 hora de viagem. 


Descida do Rio Corumbau de Caiaque:

Para quem quer uma opção que exija menos tempo, a descida do rio Corumbau de caiaque é uma das mais atraentes. 

Além da emoção de percorrer um rio que nasce no Monte Pascoal, a paisagem é deslumbrante. Saída do Vila Naiá de carro, em horário predeterminado, e chegada ao rio em cerca de vinte minutos. A descida até seu encontro com o mar leva aproximadamente uma hora.

Arquipélago de Abrolhos:

Uma experiência emocionante para mergulhadores. O passeio é feito em um confortável catamarã com cinco cabines, capacidade para doze pessoas e refeições servidas a bordo. Saída do Vila Naiá após o almoço, com chegada em Abrolhos de madrugada. 

Ao despertar, os passageiros terão a belíssima visão do arquipélago, onde são feitos três mergulhos ao longo do dia. Após uma visita a algumas ilhas, tem início a viagem de volta no comecinho da noite, com chegada prevista ao hotel ao amanhecer.


Barra Velha/Índios Pataxó:

Passeio de Buggy até Barra Velha, a apenas 6 km da de Corumbau, onde é possível conhecer a comunidade indígena Pataxó e seu artesanato em sementes, madeira e penas, que traduz o que há de mais representativo em sua cultura.


Enviado por : Juliana Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário