sexta-feira, 17 de abril de 2015

Os hotéis mais exóticos da selva da Patagônia Chilena


Visitar a selva patagônica do Chile é uma experiência mágica, ainda mais quando você se hospeda em algum dos três hotéis exóticos da Reserva Biológica Huilo Huilo (860 km de Santiago). 

Cercada por uma exuberante natureza e pela diversidade de espécies animais e vegetais, os hotéis da Reserva incorporam esse clima e proporcionam aos seus hóspedes uma imersão nessa atmosfera. 

No local, três hospedagens no meio da floresta, interligadas por passarelas internas de madeira, se destacam por seu extremo conforto aliado a peculiaridades arquitetônicas: um hotel construído em volta de uma árvore, outro que parece um vulcão e o último que imita o formato de um cogumelo



Construído ao redor de uma árvore, o Nothofagus Hotel dispõe de 55 leitos e quatro categorias de acomodações, que vão desde quartos de 22m² até suítes duplex de 68m², com banheira de hidromassagem. 

Além de viver a sensação de estar na copa de uma árvore, quem fica hospedado nesse hotel desfruta das mais belas vistas da Reserva, o que é proporcionado pelas grandes janelas dos quartos. 



Junto ao Nothofagus fica o restaurante principal do complexo de hotéis da Reserva, o qual utiliza produtos típicos da região (como murta, mirtilo, nozes e castanhas) e mescla sabores da culinária local mapuche (povo nativo da região) com a internacional. O hotel ainda conta com um bar, que possui uma vasta carta de vinhos premium e licores importados.

Com um design inovador, o Montaña Mágica Lodge é inspirado no formato do vulcão Mocho-Choshuenco, que fica localizado dentro da Reserva. As paredes externas são cobertas por pedras vulcânicas e o seu interior é basicamente feito de madeira.



O toque mais belo da edificação fica por conta da cachoeira que deságua do topo até a base do prédio, se assemelhando a uma “lava vulcânica”. 

Recentemente, o jornal britânico Daily Mail classificou o Montaña Mágica como o “hotel mais mágico do mundo”. Bastante exclusivo, conta apenas com 9 habitações, divididas em dois tipos de categoria: uma mais simples com 10m² e outra de 15m² (com banheira). Também possui um restaurante e uma cafeteria, que ficam abertos apenas no período de alta temporada.

Com um formato arquitetônico semelhante a um cogumelo, o Reino Fungi Lodge foi projetado para se misturar com o ambiente vegetal que o rodeia. 



Com um total de 22 habitações, o hotel oferece serviço de conexão entre quartos feitas por meio de portas internas, o que permite maior comodidade para famílias com crianças. 

Além das habitações compartilhadas, o hotel ainda conta com mais duas categorias de quartos, com 19m² ou 34m², esses últimos com banheira.

Os três hotéis dão direito a atividades auto guiadas pela Reserva e acesso ao Spa Lawenko. Os valores das diárias variam de acordo com os pacotes, porém, o mínimo é a partir de USD264 para quarto duplo. 

Já para quem busca diárias mais econômicas e menos luxo nas hospedagens exóticas, a Canopy Village é uma ótima opção. 



Pequenas casinhas construídas em cima de árvores no meio da floresta, essas habitações possuem janelas com ângulos especiais para a observação da paisagem local. 

No total são 22 cabanas de 20m² cada, com capacidade de 2 a 5 pessoas. As diárias custam a partir de USD45 em cabana dupla com banheiro externo.



 Sobre a Huilo Huilo :

 Localizada no começo da selva da Patagônia do Chile, próximo ao vilarejo de Neltume (860 km de Santiago), a Reserva Biológica Huilo Huilo é um lugar mágico. Com mais de 100 mil hectares, abrange diversos ecossistemas, com uma riqueza de espécies nativas animais e vegetais. 

As opções de hospedagens vão desde hotéis de luxo até campings, todos com um diferencial arquitetônico que busca integrar a natureza local ao conforto. 

Além de atividades de esportes radicais, como tirolesa e rafting, a Reserva ainda conta com o Bosque Nevado, um centro de neve ideal para iniciantes nos esportes de inverno. 


Fonte: Juliana Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário