quinta-feira, 28 de maio de 2015

Roteiro de bicicleta da Alemanha à Áustria



Encravada no coração da Europa, a Áustria é um país de pequenas dimensões, mas de muita cultura. E por que não conhecê-la de um jeito diferente: sobre duas rodas! A ideia da Mundo Roda, agência que oferece o passeio, é fazer com que os turistas possam imergir na cultura local, passando por cidadezinhas pitorescas, mas com muita história para contar.

Ao desembarcar na Europa, o viajante terá ao menos quatro dias e muita diversão pela frente. A viagem começa na cidade alemã de Passau, já na fronteira com a Áustria, onde será recebido por um guia brasileiro, que dará todas as orientações da viagem. 


O horário de saída fica por conta do grupo. Neste primeiro dia de aventura, serão percorridos 53 quilômetros de bicicleta até a chegada na cidade de Schlogen, onde o grupo pegará um barco. De lá, após cruzar o Danúbio, o destino final será Linz, eleita capital europeia de 2009.

O segundo dia é o mais puxado, com 60 quilômetros de pedal, saindo de Linz até a chegada em Strudengal. No caminho o grupo poderá optar por passar por Enns, cidade mais antiga da Áustria.

Para compensar o percurso um pouco mais longo, neste terceiro dia de bike serão percorridos apenas 43 quilômetros, entre Strudengau e Nibelungengau. 

O destaque fica por conta da Abadia Beneditina de Melk, localizada na Paisagem Cultural de Wachau, um sítio classificado como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e de grande importância para os austríacos.

De Nibelungengau parte-se Viena, destino final do passeio. São 48 quilômetros de pedal até Krems, onde o grupo pegará um trem até chegar na capital austríaca.

Por lá, a sugestão é ficar ao menos um dia a mais para conhecer as diversas construções históricas, museus e praças, além de, é claro, provar o famoso Schnitzel, comida típica local.
        


Mesmo sendo um pouco longo, o passeio é indicado a qualquer pessoa que esteja em busca de um jeito diferente de viajar, uma vez que o percurso é feito por ciclovias planas e pavimentadas, às margens do rio Danúbio. 

Apesar de todos os dias terem uma cidade de início e de fim já estabelecidas, o roteiro diário pode variar de acordo com o desejo do grupo. É possível, por exemplo, escolher sair mais cedo ou mais tarde, parar para comer no caminho ou não, e até parar em uma vinícola para saborear um bom vinho local.

No pacote está inclusa a hospedagem, sempre em hotéis três estrelas ou mais, com café da manhã, além de guia brasileiro durante todo o percurso e, é claro, a bicicleta. Caso queira, o viajante poderá entrar na Europa por Munique, na Alemanha, e aproveitar uns dias por lá ante de começar o pedal. 

O primeiro passeio está agendado do dia 6 ao dia 11 de julho, mas é possível agendar uma viagem durante o ano todo sempre que houver um grupo de no mínimo seis pessoas. 


Fonte:  Mari Peccicacco 


Nenhum comentário:

Postar um comentário