segunda-feira, 18 de julho de 2016

A tecnologia como motor de personalização de viagens


Estudos encomendados pela Amadeus apontam que os consumidores estão abertos a ofertas personalizadas relevantes. Para as empresas, o desafio é entender que a gestão e a interpretação de dados do cliente é fundamental.

Quando falamos da indústria de viagens, falamos de um setor dinâmico que está em constante evolução e que se propõe a oferecer soluções cada vez mais enriquecedoras e personalizadas. Isto se reflete não apenas na forma como os viajantes realizam as suas aventuras apaixonantes hoje em dia, buscando experiências feitas sob medida, mas também em como os diferentes players da indústria interagem com estes viajantes em cada um dos estágios da viagem.

Está comprovado que as empresas que focam na experiência de seus clientes tem mais sucesso. As agências de viagens e companhias aéreas não são exceção.

Mas o que é necessário para desenvolver uma experiência de cliente competitiva e diferenciada? O primeiro passo é implementar uma experiência de compra clara, organizada e fácil. Para isso, as soluções tecnológicas são fundamentais, pois nos ajudam a ter controle absoluto em todos os nossos processos de venda. O segundo é definir uma estratégia de comercialização integral que garanta o cumprimento dos objetivos da organização. Em terceiro lugar é necessário trabalhar em um foco de serviço que esteja alinhado com a proposta da marca e, por fim, é fundamental direcionar nossos esforços à personalização.

Este último ponto é essencial para nossos objetivos se queremos construir uma experiência de cliente melhorada. Estudos encomendados pela Amadeus apontam que os consumidores estão abertos a ofertas personalizadas relevantes. Neste sentido, para as empresas do setor, o desafio é começar a entender que a gestão e a interpretação de dados do cliente são fundamentais não apenas para aumentar as vendas, mas para ganhar sua confiança e oferecer o que eles realmente precisam.

Assim, entendemos que o primeiro passo para criar uma experiência de cliente melhorada por meio da personalização, começa com a coleta de informação de várias fontes de dados. No entanto, nada disso será útil sem uma interpretação adequada destes dados. A análise da informação coletada deve ser utilizada para criar ou melhorar os perfis dos clientes. 
A partir disso, esta informação pode ser aproveitada em tudo o que envolve o cliente - da inspiração e compra inicial, até oportunidades de maximização de vendas e entrega do serviço.

Por exemplo, uma solução criada recentemente pela Amadeus permite obter toda a informação necessária para tomar decisões que melhorem a eficiência e a rentabilidade das agências. A Amadeus Agency Insight, como nós a chamamos, é uma ferramenta que interpreta a grande quantidade de informação disponível graças às milhões de reservas de viagem feitas diariamente. Esta solução coloca ao alcance do mercado certos parâmetros que oferecem uma perspectiva clara sobre as tendências de reservas e como responder da melhor forma possível a elas, adaptando a oferta de acordo com a demanda do mercado e no momento adequado.

Como vemos, a tecnologia é a base subjacente de todo este processo. A análise de dados constitui um apoio fundamental ao processo de tomada de decisões das empresas, especialmente quando se trata de operações comerciais e estratégia. Mas o mais importante de tudo isso é entender que a personalização pode fazer a diferença e deixar os seus clientes satisfeitos, o que não tem preço em uma indústria aérea competitiva como a que 
temos atualmente.

Fonte: Leandro Bonfranceschi, gerente de Novos Negócios para Latam e Caribe do Amadeus IT Group

Nenhum comentário:

Postar um comentário